HISTÓRIA

No dia 02 de julho de 2019, a Banda Certas Canções nasceu com a proposta de recriar clássicos e lados B das músicas do Clube da Esquina e também do maravilhoso acervo de MPB de nosso país,

além de algumas pérolas internacionais.

O nome da banda foi tirado de uma canção de Tunai e Milton "Bituca" Nascimento,

cuja letra expõe o sentimento da banda em relação a "certas canções":

 

 

"Certas canções que ouço
cabem tão dentro de mim
que perguntar carece
como não fui eu que fiz..."

 

 

Léo Salles ( baixo / violão / voz ), Gibran Oliveira ( bateria / voz ),

Marcelo Barboza ( baixo / guitarra / voz ), Thadeu Camargo ( voz / violão ),

Marcelo Braga ( flauta / sax / voz / percussão ) se juntaram ao produtor Marcos Veiga que também

é presidente do Fan Clube da Esquina de Marechal Hermes - Encontros Musicais, para espalhar as belas canções do repertório do Clube da Esquina pelos estabelecimentos do Rio de Janeiro, São Pedro da Serra e Lumiar, onde foram recebidos com muito carinho.

 

Em agosto de 2019 a banda fez a abertura para a Banda NAVE DE PRATA no TEATRO RIVAL e no mês de setembro algumas apresentações junto com a Banda Nave de Prata no distrito de Lumiar - RJ e na

Lona Cultural Carlos Zéfiro em Ancheita - RJ 

Em outubro a banda foi chamada para fazer a abertura do sensacional show de retorno da Banda CAMBADA MINEIRA, no TEATRO RIVAL. Uma noite realmente inesquecível e histórica.

Em novembro a banda teve a grande honra de ser chamada para fazer parte do espetáculo

"1973 - UMA TRILHA SONORA", baseado no excelente livro "1973 - O ANO QUE REINVENTOU A MPB", escrito por Célio Albuquerque e espetáculo também dirigido pelo autor, no TEATRO ARMANDO GONZAGA - RJ

 

Em fevereiro de 2020 a banda fez um TRIBUTO AO CLUBE DA ESQUINA no TEATRO ARMANDO GONZAGA - RJ. Uma apresentação inesquecível, com as participações especiais do escritor, poeta, professor e personalidade marcante Luiz Poeta, declamando uma linda poesia para a abertura do show, Wagner Perrayon no violino, as dançarinas Juliana Pagung ( que também é cantora ), Adriana Lessa, Janelle Oliveira com um lindo número de dança cigana durante o show da banda. Uma maravilhosa noite de confraternização e teatro lotado.

 

Todo mês a banda reserva uma noite para fazer um Tributo ao Clube da Esquina, com a participação de amigos, músicos, numa confraternização de música, amizade, enfim de pessoas, pois a banda tem como regra uma frase de Milton "Bituca" Nascimento que se incorporou a atitude da banda: "primeiro as pessoas, depois a música".


Até março de 2020 a banda se apresentava em alguns estabelecimentos do Rio de Janeiro, Lumiar e São Pedro da Serra, mas devido à pandemia encerrou as apresentações temporariamente até que o vírus da COVID seja controlado.
Assim que tudo voltar ao normal, a banda voltará a se apresentar regularmente.

 

Em julho de 2020, logo após a comemoração de aniversário de 1 ano, a Certas Canções entrou em estúdio para gravar seu primeiro trabalho. O álbum "BANDA CERTAS CANÇÕES", totalmente autoral.
Gravado, mixado e masterizado no Estúdio Pardal, em Bento Ribeiro - RJ , o disco contou com as participações especialíssimas de Wagner Perrayon, Guga Almeida, Márcio Freitas, Telma Oliveira,

Ramon Mello e Ricardo Pardal, este último além de gravar guitarras também foi o técnico de som e gravação, mixagem e masterização e deu um auxílio mais que luxuoso.
Uma parte do disco ( bateria de três músicas )também foi gravada no Estúdio ESEMUL em Lumiar ( técnico de som Maurício Barreto ). 

 

Este álbum é fruto de um lema da banda: "A MÚSICA É LIVRE".

 

Os membros da banda possuem muitas influências além da música mineira como o rock, jazz, blues, folk, samba, MPB, regional, música clássica...

Apesar de tocar basicamente MPB e Clube da Esquina, a banda não se prende a dogmas ou estilos musicais, se a música é boa ela serve independente de estilo, sendo assim o álbum passeia pela MPB, regional, folk, country, rock e até uma pitada de reggae durante as 12 faixas.

 

A Banda Certas Canções não é só feita pelos integrantes Léo Salles, Marcelo Braga, Marcelo Barboza, Thadeu Camargo, Gibran Oliveira e Marcos Veiga. 
Ivan Sartório, Wagner Perrayon, Guga Almeida, Ricardo Pardal e tod@s aqueles que estão junto da banda musicalmente, afetivamente e sinceramente são parte da Banda Certas Canções.

 

E acima de tudo, o público.
Sem o público a banda não existe.

 

É para você, que está lendo este texto, para você que vai ao show, para você que curte o trabalho, ouve o álbum, vê os vídeos, frequenta as redes sociais da BANDA CERTAS CANÇÕES que todo este trabalho existe e com vocês que a banda quer caminhar juntos, sempre.

 

 

 

GRATIDÃO

 

 

 

 

"...Certas canções que ouço
Cabem tão dentro de mim
Que perguntar carece
Como não fui eu que fiz

Certa emoção me alcança
Corta-me a alma sem dor
Certas canções me chegam
Como se fosse o amor

Contos da água e do fogo
Cacos de vidas no chão
Cartas do sonho do povo
E o coração pro cantor

Vida e mais vida ou ferida
Chuva, outono ou mar
Carvão e giz, abrigo
Gesto molhado no olhar

Calor que invade, arde
Queima, encoraja
Amor que invade, arde
Carece de cantar..."

01_edited.jpg

Contato para shows

(21) 98827-8409

certascancoes2@gmail.com

NOSSAS REDES 

SOCIAIS:

Faça parte da nossa lista de emails

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • YouTube
  • Spotify ícone social
  • SoundCloud ícone social

© 2023 por The Silent South. Orgulhosamente criado com Wix.com